Qual é a melhor opção: plano de negócios ou Canvas?

Estratégia e Negócios

Plano de Negócios ou Canas? Ambos são essenciais para o desenvolvimento saudável de qualquer ideia, mas são ferramentas muito diferentes. No entanto, muitos profissionais ainda não sabem exatamente qual a diferença entre elas. 

O plano de negócios é mais usado para a prevenção de riscos e acertos de uma empresa, considerando os anos seguintes ao da sua abertura. O documento, contudo, tem sido substituído ou complementado pelo novo padrão Canvas. 

Ele é um modelo que pode ser desenvolvido em menos tempo e possui um conteúdo simplificado. Mas isso significa que também não contém informações importantes sobre o empreendimento.


Plano de negócios ou Canvas: qual escolher?

De maneira geral, se o gestor ou empreendedor possui dúvidas sobre qual ferramenta escolher, vale lembrar que: 

  • O plano de negócios é recomendado quando uma empresa está sendo aberta e é necessário estruturar todos os setores; 

  • Já o Canvas é mais indicado para encontrar soluções rápidas, de maneira estruturada e permitindo conhecer melhor um negócio que já está aberto. 

Ou seja, uma ferramenta não exclui a outra. Então, o gestor ou empreendedor pode decidir por usar apenas um ou os dois. O plano de negócios é uma alternativa para ter um entendimento profundo sobre a empresa, mas é um processo mais demorado.  

Em contrapartida, o Canvas é mais detalhado e um resumo eficaz, que torna mais simples entender como será o funcionamento da empresa dali em diante.


O que é um Plano de Negócios?

O Plano de Negócios é a principal ferramenta de planejamento de toda e qualquer empresa. Ele é um instrumento que concentra informações detalhadas sobre todas as etapas que fazem parte da estruturação do negócio.

Para estruturar um plano de negócios é preciso mergulhar no mercado, estudando e buscando informações para entender cada detalhe e verificar se a ideia realmente poderá trazer retorno financeiro.

As etapas que normalmente contemplam um Plano de Negócios são as seguintes:

  • Perfil do Empreendedor;

  • Concepção do Negócio, Identidade de Marca e Posicionamento;

  • Análise de Mercado, Fornecedores e Concorrência;

  • Definição de Produtos e Serviços;

  • Análise do Perfil Consumidor;

  • Estrutura Empresarial, Indicadores e Controles;

  • Análise SWOT;

  • Planejamento de Marketing;

  • Planejamento Financeiro e Análise de Viabilidade;

  • Plano de Lançamento do Negócio.

No entanto, é válido lembrar que as etapas podem variar, conforme o segmento do negócio ou mesmo com o objetivo do projeto. Ou seja, o plano de negócios é personalizado de acordo com a necessidade, mas isso não significa que irá variar a sua importância para a empresa.

Considerado um documento minucioso e a principal ferramenta para o planejamento de novos empreendimentos, o Plano de Negócios também ajuda a provar a viabilidade do negócio para o próprio empreendedor e também para futuros investidores.


O que é o Canvas?

O Business Model Canvas é uma das formas mais usadas para criar um Modelo de Negócios e, com isso, tornou-se um sinônimo para o mesmo. A ferramenta foi desenvolvida pelo consultor Alexander Osterwalder, em 2008, e ficou famosa por ser considerada um método simples e visual.

Sendo assim, o Canvas é considerado um documento prático, que organiza elementos e etapas. Ele forma um sistema que representa como a empresa funciona e como ela cria e entrega valor para seus clientes. 

Por meio da metodologia do Canvas é possível montar um Modelo de Negócio, onde são resumidas as principais características do empreendimento ou do projeto a ser desenvolvido. 

O Canvas é composto com um único quadro, dividido em 9 blocos:

  • Parcerias principais;

  • Atividades principais;

  • Recursos principais;

  • Proposta de valor;

  • Relacionamento com clientes;

  • Canais;

  • Segmento de clientes;

  • Estrutura de custos;

  • Fontes de receita.

A partir do preenchimento do Canvas fica mais claro como será o funcionamento da empresa. Ou seja, esse documento torna-se um guia para as tarefas diárias. 

O resultado do uso do Canvas é um quadro flexível, que permite outras visões e auxilia na implementação de propostas e discussões entre sócios e colaboradores.


E agora: qual escolher?

Atualmente o plano de negócio está sendo substituído ou complementado pelo canvas, pois neste modelo é possível ter mais informações e de uma forma mais ágil. 

A diferença entre as duas ferramentas é que o Canvas analisa apenas informações. Enquanto o plano de negócio envolve estratégias, marketing, mercado e vendas.

Junto a isso, o Canvas nem sempre possui informações precisas e exatas, visto que é feito de modo superficial. Ele não envolve todos os pontos existentes nas empresas e na hora de o estruturar não são feitas pesquisas como o plano de negócio exige.

Então, o Canvas pode ser muito útil para quem está empreendendo, o plano de negócio requer mais conhecimento de mercado e planos claros, com objetivos e metas bem definidas para o futuro.

Sendo assim, a escolha pelo Canvas é recomendada quando for preciso achar soluções visíveis de ideias de forma bem estruturadas. O objetivo é entender o funcionamento da empresa ou mesmo prever o modo que ela irá funcionar. 

O plano de negócio é uma opção para quando é preciso obter informações mais detalhadas do negócio e do mercado de atuação. O seu uso é recomendado para visualizar a viabilidade de novos projetos, para obter conhecimento profundo da empresa ou apresentar projetos para prováveis investidores.


É possível usar as duas ferramentas?

A escolha entre uma ferramenta ou a outra varia da forma como seu negócio está estruturado. É possível usar ambas as ferramentas, já que elas se complementam. 

Em empresas que já possuem negócios mais sólidos, as duas ferramentas costumam ser utilizadas em conjunto. Então, a sugestão é: se for necessário uma resposta mais rápida, opte pelo Canvas; se a ideia é se aprofundar ou se está iniciando um empreendimento, use o plano de negócios. 

É importante analisar qual o objetivo da empresa e quais informações são necessárias buscar e, em diversos casos, o plano de negócios e Canvas trabalham muito bem juntos.


Gostou do conteúdo? Quer aperfeiçoar mais seus conhecimentos sobre estratégias e negócios? Aproveite e CLIQUE AQUI para conhecer o MBA Executivo em Gestão Estratégica e Econômica de Negócios. 

O curso desenvolve a capacidade empreendedora e empresarial dos profissionais, apurando a percepção de oportunidades nos negócios. Ele proporciona conhecimentos aos profissionais que os permitirão definir objetivos de negócios, traçar e implementar estratégias que ofereçam resultados significativos e aumentem o valor das empresas, além de alavancar a força competitiva das empresas por meio da liderança e do trabalho em equipe.


Contato

Porto Alegre


  • Av. Praia de Belas, nº 1212, Torre Norte, 7º andar, sala 704
  • (51) 3230-4400
  • (51) 99110-6820
  • Segunda a Sexta, das 8h30 às 18h

Novo Hamburgo


  • Rua Araxá, 750 - Bairro Ideal
  • (51) 3230-4400
  • (51) 99110-6820
  • Segunda a sexta, das 8h30 às 18h

Florianópolis


  • Rodovia SC 401, 4100 - Km4
  • (51) 3230-4400
  • (48) 98870-3902
  • Segunda a sexta, das 9h às 18h

Tour Virtual - Unidade Porto Alegre

Clique para Ligar
Fale por WhatsApp

Nosso website coleta informações do seu dispositivo e da sua navegação por meio de cookies para permitir funcionalidades como: melhorar o funcionamento técnico das páginas, mensurar a audiência do website e oferecer produtos e serviços relevantes por meio de anúncios personalizados. Para saber mais sobre as informações e cookies que coletamos, acesse a nossa Política de Cookies. e a nossa Política de Privacidade.