Compartilhe: linkedin facebook

O que é RH estratégico: lições para aplicar nas empresas

Liderança e Pessoas

Durante muito tempo, o setor de recursos humanos era visto como uma área operacional e burocrática dentro das empresas. Nele, eram trabalhadas questões como admissão, desligamento e gestão de benefícios dos colaboradores. Entretanto, essa visão está mais distante. Atualmente, o RH é cada vez mais visto como estratégico e crucial ao negócio.

Muitos profissionais da área apostam no uso de dados para maior assertividade diária, na aquisição de talentos, no alinhamento de objetivos desafiadores e no planejamento estratégico. Além disso, vale destacar que o RH está inserido na transformação digital e, com isso, é mais comum a inserção de novas tecnologias.


Mas afinal, o que é RH estratégico?

De maneira geral, podemos compreender que o RH estratégico é o que vê os colaboradores da empresa de forma estratégica, utilizando dados para a tomada de decisões e melhora dos processos. O RH estratégico não atua apenas como suporte às lideranças, ele é visto como essencial para a rentabilidade, crescimento e sucesso da companhia. 

O objetivo principal do RH estratégico é a contribuição para uma empresa mais inteligente, flexível e forte do que suas concorrentes. Para isso, a área busca atrair e desenvolver os profissionais certos, que estão alinhados com as habilidades e comportamentos adequados, além de serem aderentes à cultura.


Quais as vantagens do RH estratégico?

Os aspectos positivos relacionados ao RH estratégico estão tanto na melhoria dos processos internos quanto da gestão de pessoas. No último caso, podemos citar como exemplos: 

  • Coleta de dados para tomada de decisão; 

  • Diminuição da taxa de absenteísmo;

  • Melhoria na satisfação dos colaboradores; 

  • Redução de turnover; 

  • Fortalecimento da cultura organizacional; 

  • Aumento da motivação e produtividade. 

Já com relação ao processos da empresa, estão os seguintes pontos::

  • Menos erros operacionais; 

  • Mais eficiência; 

  • Lideranças mais preparadas;

  • Melhora nos processos como controle de ponto, recrutamento e seleção, folha de pagamento, férias;

  • Redução de custos.

Unir a coleta de dados ao planejamento proporciona uma melhora significativa na gestão de pessoas. Por fim, podemos afirmar que empresas que atuam com um RH estratégico não esperam um problema aparecer para agir, mas age de maneira antecipada. Isso proporciona uma melhor gestão de pessoas e, por consequência, colaboradores mais satisfeitos.


Como aplicar o RH estratégico em uma empresa?

Não há um passo a passo para a implementação do RH estratégico que proporcionará sucesso em todas as empresas. É importante que cada organização alinhe seu próprio processo, avaliando seu contexto, cultura e objetivos específicos.

No entanto, podemos afirmar que há algumas etapas essenciais, que podem ser trilhadas por empresas de diferentes portes. 

  • Defina metas de RH alinhadas à empresa

O sucesso do RH estratégico está muito relacionado ao quão bem alinhado ele está aos resultados da organização. Para isso, é importante definir quais serão os objetivos e as metas da área que colaboram com o crescimento da empresa. 

Os indicadores mais usados na área de RH são: avaliação de desempenho, eNPS, clima organizacional e turnover, por exemplo. Mas, há vários outros KPIs que podem ser acompanhados para que o RH estratégico esteja alinhado à organização.

  • Use os dados a seu favor

A análise de dados é uma das principais ferramentas usadas para tornar o RH mais estratégico. Por meio dela, as decisões são tomadas embasadas em informações consistentes, extraídas de dados e não da intuição dos gestores.

Os dados podem ser usados de diferentes formas e proporcionam análises valiosas para otimização de tempo, gastos e processos. Entre os exemplos do seu uso estão a análise de desempenho do próprio RH, o cálculo de turnover, a solução de problemas de absenteísmo, entre outras.

  • Invista em tecnologia

Além dos dados, é essencial o investimento em tecnologia para tornar os processos menos operacionais e mais inteligentes. Para isso, o RH estratégico atua identificando as ferramentas que podem otimizar o desempenho dos colaboradores e criar uma força de trabalho mais eficiente. 

Ou seja, é necessário que seja realizado um mapeamento junto à área de TI e aos gestores de áreas específicas para avaliação de quais processos podem contar com o apoio da tecnologia. Dentro do próprio RH, pode ocorrer essa atuação, com a otimização dos processos de recrutamento e seleção, por exemplo. 

  • Busque a diversidade

Um RH estratégico tem o papel de impulsionar a diversidade e a inclusão, pois empresas inclusivas apresentam resultados superiores às que têm um quadro de funcionários estático e pouco diverso. Um ambiente de trabalho diverso possui impacto financeiro positivo e duradouro para a organização.

  • Aprimore a comunicação interna

Outra etapa essencial do RH estratégico é a melhora na comunicação interna da empresa, a mantendo próxima, clara e objetiva dos colaboradores. O uso de ferramentas de comunicação adequadas é um passo importante e evita erros de alinhamento e conflitos internos. 

  • Monitore e avalie

Por fim, vale destacar que uma etapa essencial da aplicação do RH estratégico é a definição de mecanismos para monitoramento e avaliação dos processos em direção ao alcance dos objetivos estratégicos. 

Para isso, podem ser realizadas análises trimestrais ou anuais, que devem ter o seguinte foco:

  • Avaliar se a organização está no caminho para atingir os objetivos;

  • Identificar oportunidades para se adaptar a mudanças internas ou externas significativas que afetam o plano estratégico;

  • Atualizar as prioridades.


Para que um RH seja realmente estratégico, ele deve estar conectado com todas as áreas da empresa. Isso irá permitir que suas práticas sejam alinhadas com os objetivos da organização. Quando isso é possível, o RH é capaz de entregar um grande valor ao negócio.


Gostou do conteúdo? Está buscando desenvolver seu conhecimento relacionado à Gestão de Pessoas? CLIQUE AQUI para conhecer o MBA em Gestão Estratégica de Pessoas: Desenvolvimento Humano de Gestores. 

A proposta do curso é melhorar sensivelmente as habilidades para lidar com a dimensão humana, tornando, assim, mais efetivo o exercício da liderança e da capacidade para lidar com os mais diversos e complexos desafios organizacionais.


Contato

Porto Alegre


  • Av. Praia de Belas, nº 1212, Torre Norte, 7º andar, sala 704
  • (51) 3230-4400
  • (51) 99110-6820
  • Segunda a Sexta, das 8h30 às 18h

Novo Hamburgo


  • Rua Araxá, 750 - Bairro Ideal
  • (51) 3230-4400
  • (51) 99110-6820
  • Segunda a sexta, das 8h30 às 18h

Florianópolis


  • Rodovia SC 401, 4100 - Km4
  • (51) 3230-4400
  • (48) 98870-3902
  • Segunda a sexta, das 9h às 18h

Tour Virtual - Unidade Porto Alegre

Clique para Ligar
Fale por WhatsApp

Nosso website coleta informações do seu dispositivo e da sua navegação por meio de cookies para permitir funcionalidades como: melhorar o funcionamento técnico das páginas, mensurar a audiência do website e oferecer produtos e serviços relevantes por meio de anúncios personalizados. Para saber mais sobre as informações e cookies que coletamos, acesse a nossa Política de Cookies. e a nossa Política de Privacidade.